BrasilCulturaEconomiaEducaçãoSaúdeSegurança Pública

O GIGANTE ACORDOU

O gigante acordou! Gritávamos em 2013. Eu… gritava feliz, por achar que a juventude estava se engajando tal qual as Juventudes das décadas de 70 e 80. Mas jamais imaginei que fosse outro gigante que eu estava ajudando a acordar. Esse gigante é o Bolsonaro? O Temer? O Ovada de Cavalo? Não não… Não era nenhum desses, embora esses foram os que melhor se aproveitaram desse “gigante”.
O gigante acordou quando nosso país deixou que a liberdade ao culto e a religião crescesse sem regras e virasse uma lojinha de rua ou de feira sem organização. Hoje pra mim é impossível pensar a religião sem lembrar de líderes religiosos fazendo arminhas e dizendo que Jesus queria ver o mito na direção do país. Tirar do vermelho? Descomunizar? Ou metralhar a petralhada? São expressões que justificavam as arminhas e o desejo de um mito como representante de seus libidos por ódio.
Ninguém pode negar que no Brasil ha religiosos respeitáveis, honrados e que honram a vida carnal e espíritual de Jesus Cristo. Mas a grande parte das novas igrejas e mesmo algumas antigas influenciadas pelo neopentecostalismo ou pelo poder econômico, “garantem” que Deus fala e ensina diretamente para eles, todo o saber e toda a ciência do mundo que estudiosos passam a vida buscando. Sim, os pentecostais afirmam que Deus, o Espírito Santo os dá o “dom” de entender a bíblia. Contexto histórico, características da linguagem e da cultura em que a bíblia foi construída não importa, eles é que sabem. Deus os escolheu para ensinar para a humanidade o que é certo e o que é errado. Deus liga pra eles constantemente e a última ligação mais séria foi a da escolha do presidente. As vezes deus interfere em outras instâncias como municipal e estadual. Aqui no bairro onde eu moro, deus fala com o pastor até pra escolher o conselheiro tutelar. Mas é importante que todos saibam…eles são neutros! Detestam doutrinação…
O gigante acordou e ele vem enviado por “deus”. Mas que deus é esse? Perguntou um pagão. Um deus que ignora o comportamento desse homem que deixou claro em seus 29 anos de parlamentar que seu único compromisso é consigo e com os mais corruptos de sua família (nem pela própria mãe ele demonstra respeito). Como pode alguém que exalta torturadores perante seus torturados pode ser alguém escolhido por deus? Que deus é esse? A quem ele se revelou assim, com tanta desumanidade? Alguns dizem que é Jesus, as vezes o chamam de Shalom. Mas que contradição é essa?
O gigante era apenas uma pedrinha no pico de um penhasco. Mas o penhasco era do tamanho de um enorme iceberg. Só víamos o topo. Deixamos a pedrinha rolar, chutamo-la até, achando bonitinha. Era uma pedrinha rolando num pequeno morrinho, a Copa do Mundo. Ao chegar lá embaixo, no pé do morrinho, teremos vencido e as desapropriações por causa da copa deixarão de acontecer. Nos enganamos, e a pedrinha foi rolando, foi rolando, foi rolando e crescendo… E crescendo.
ELE NÃO é o Gigante. Pode parecer que ele controla, mas ele é apenas a cara de mal ou de monstro que quiseram dar ao gigante para garantir que esse novo modelo de ditadura desse certo. Uma ditadura que não precisasse de armas (a não ser nas favelas) ou tanques (que agora são as fake news que bombardeiam a todos sem exceção).
Acho que não foi só o gigante que acordou. Acordou com ele o deus medieval que dizia que escravos não tinham alma ou se tinham, só o sofrimento da escravidão e da humilhação os salvaria do inferno. O deus daqueles que tinham mulheres e crianças como posses e objetos de troca ou servidão.
Davi venceu o gigante porque estava do lado do Deus da Guerra, Javé, Israel. Dizem que os “esquerdistas” que lutam por direitos humanos e dignidade para todos não tem Deus. Como vencerão o gigante então?
Existe uma passagem bíblica onde Jesus diz que não há maior amor do que dar a vida pelo irmão (João 15:13). Que “lado” será que está morrendo gente por perseguição? Vamos analisar: os bolsonaristas defendem que o senhor da morte, o excrementíssimo presidente é o seu representante e escolhido do deus deles. E por outro lado cada um de nós, esquerdistas, nos mantemos firmes na luta contra o descaso com a educação, com a saúde, com os direitos das crianças e das mulheres, dos indígenas, da comunidade LGBTIQ+, quilombolas, ribeirinhos, água para todos e tantas outras lutas que estamos doando nosso tempo e energia para melhorar a vida de todos. Não tenhamos dúvidas camaradas, nós estamos amando muito mais do que aqueles que ilustram os altares, mas maltratam o próximo. Desejam a morte de quem não é igual a eles ou não lhes tratam como deuses. Sim, querem ser deuses, querem substituir ou fazer de fantoche o Negro de Nazaré, o Jesus da Galileia.
Então é isso? Venceremos o gigante com amor? Sim queridos leitores. É só o amor que nos resta e no entanto é a maior força que precisamos para conter essa pedrinha que virou uma avalanche. Agora já sabemos que não é uma pedrinha. E principalmente sabemos que enquanto eles agem por emoção, euforia e alienação, nós agimos com amor, mas com muita razão. Muita mesmo…. Pois somos 70% que continua dizendo ELE NÃO!
Espero que o verdadeiro gigante acorde. Aquele que sonhei. E que ele não envie nenhuma nota de repúdio, porque, como disse o Papa Francisco, amar o corrupto e opressor e afastar-lhe das possibilidades de ser corrupto de de oprimir. Por isso não nos resta outra coisa a não ser, amar o excrementíssimo presidente e tirar-lhe seus brinquedos de opressão e corrupção, o poder.

O corpo desse Gigante é cada igrejinha aberta sem nenhum critério. O sei líder diz falar com Deus e de repente tem um monte de gente seguindo as ordens de qualquer irresponsável, como tenho visto agora alguns dizendo que não vão tomar a vacina, assim como o falecido presidente ditador da Tanzania.

Que o verdadeiro Deus de Belém da Galileia nos proteja e combata esse gigante.

Andre Paz

Graduando em Ciências Humanas - UFMA.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo